O que é nômade digital?

O que é nômade digital?

Como é ser um nômade digital morando em um motorhome
Como é ser um nômade digital morando em um motorhome

Nômade digital digital é uma pessoa que utiliza a tecnologia para trabalhar de maneira remota, precisando apenas de uma conexão com a internet, sem precisar de um local fixo para realizar suas atividades. Recebendo suas demandas de trabalho online e entregando os resultados da mesma forma.

Um Nômade Digital tem um estilo de vida itinerante, viajando por vários lugares ao redor do mundo trabalhando de forma digital utilizando a tecnologia. Esse estilo de vida é chamado de Nomadismo digital. O que é mais importante para ser um nômade digital é você não precisar estar fisicamente em um local de trabalho.

O termo “nômade digital” é usado para descrever uma nova geração de jovens profissionais na era digital que trabalham remotamente enquanto viajam pelo mundo.  Freelancers e proprietários de grandes e pequenas empresas têm a opção de trabalhar em seu lugar favorito no mundo, basta ter conexão com internet.   

Nômades digitais geralmente têm uma mentalidade empreendedora e procuram criar seu próprio estilo de vida que se adapta às suas necessidades e preferências pessoais. Muitos nômades digitais possuem habilidades em tecnologia e comunicação, o que lhes permite trabalhar de forma remota.

Além de poder trabalhar de qualquer lugar do mundo, ser um nômade digital também pode oferecer outras vantagens, como flexibilidade de horários, redução de custos e maior qualidade de vida. No entanto, também pode apresentar desafios, como a necessidade de manter a disciplina e organização e a falta de interação social cara a cara.

Em resumo, ser um nômade digital é escolher um estilo de vida que oferece liberdade geográfica e a capacidade de trabalhar de forma remota, permitindo que as pessoas trabalhem, viajem e vivam de acordo com seus próprios termos e condições.

Um nômade digital é alguém que deseja a liberdade de trabalhar e morar em qualquer lugar e usa a tecnologia para tornar esse desejo uma realidade.

Quanto ganha um Nômade Digital?

O salário de um nômade digital pode variar bastante, dependendo da sua área de atuação, experiência, habilidades e demanda de mercado. Alguns nômades digitais trabalham como freelancers, enquanto outros são empregados em empresas que oferecem trabalho remoto. Alguns também empreendem e tem seu próprio negócio viajando.

Para os nômades digitais que trabalham como freelancers, o salário pode ser baseado em taxas horárias, diárias ou projetos. Nesses casos, o salário pode depender da concorrência, do tipo de trabalho e do nível de experiência do freelancer. No Brasil hoje um freenlancer pode ganhar em média de R$4.000,00 a R$8.000,00.

Para aqueles que trabalham em empresas que oferecem trabalho remoto, o salário pode ser semelhante ao de trabalhadores tradicionais que exercem a mesma função, levando em consideração o custo de vida da região em que o nômade digital está trabalhando. No Brasil, as profissões que permitem a realização de um trabalho remoto tem um salário médio de R$2.000, a R$5.000,00.

Muitos nômades digitais também são empreendedores. Na verdade, muitos decidem se tornar nômades digitais para ter a liberdade de empreender e criar seus próprios negócios. Você empreendendo em negócios digitais como por exemplo, criar uma loja online, prestar serviços de consultoria ou criar um negócio baseado em conteúdo digital, como um blog ou canal no YouTube.

O ganho médio de um produtor de conteúdo digital pode variar bastante, dependendo de vários fatores, como o tipo de conteúdo que ele produz, a plataforma em que publica, o tamanho e engajamento de seu público e a forma como ele monetiza seu conteúdo.

Por exemplo, um produtor de conteúdo digital pode criar vídeos para o YouTube e ganhar dinheiro por meio de anúncios e patrocínios, ou pode criar conteúdo para o Instagram e ganhar dinheiro por meio de parcerias com marcas. O ganho médio também pode depender do número de visualizações, cliques ou vendas que o conteúdo gera.

De acordo com a plataforma Glassdoor, a média salarial de um produtor de conteúdo digital no Brasil é de cerca de R$3.500 por mês, mas esse valor pode variar muito, dependendo do nicho em que atua e do seu nível de experiência e habilidade. Alguns produtores de conteúdo digitais muito bem-sucedidos podem ganhar dezenas ou até mesmo centenas de milhares de reais por mês.

No entanto, é importante destacar que a produção de conteúdo digital pode ser um trabalho muito competitivo e desafiador, e muitos produtores de conteúdo podem levar anos para construir uma audiência engajada e rentável. Além disso, é preciso estar sempre atualizado e criar conteúdo relevante e de qualidade para manter a audiência engajada e atrair novos seguidores.

Você também poderá criar um empresa digital. O faturamento médio das empresas digitais no Brasil pode variar muito, dependendo do tamanho, setor e modelo de negócios da empresa. Segundo o relatório “Panorama das Startups no Brasil”, publicado em 2020 pela Associação Brasileira de Startups (ABStartups) em parceria com a Accenture, as empresas digitais brasileiras apresentaram um crescimento expressivo nos últimos anos, mesmo com o cenário econômico desafiador.

De acordo com o relatório, as startups brasileiras tiveram um faturamento médio anual de R$1,4 milhão em 2019, um aumento de 15,7% em relação ao ano anterior. Além disso, as startups que se destacaram em suas áreas tiveram um faturamento médio ainda maior, chegando a cerca de R$10 milhões por ano.

Em resumo, ser um nômade digital oferece muitas oportunidades para trabalhar, empreender e criar negócios inovadores e escaláveis. Com as ferramentas e recursos disponíveis na era digital, os nômades digitais podem se tornar empreendedores globais e trabalhar em qualquer lugar do mundo.

Como me tornar um Nômade Digital?

Tornar-se um nômade digital pode ser uma escolha de estilo de vida emocionante e gratificante, mas também pode ser um desafio. Afinal, você estará deixando para trás a segurança de um emprego convencional e a estabilidade de um lar para se aventurar no mundo como um trabalhador autônomo. Aqui estão algumas etapas para começar a sua jornada:

  1. Identifique suas habilidades: Primeiro, identifique as habilidades que você tem e que podem ser monetizadas. Pense em suas experiências de trabalho, educação e passatempos que podem se traduzir em habilidades profissionais. Depois, encontre maneiras de comercializar essas habilidades online.
  2. Construa uma presença online: Crie perfis em plataformas de freelancers e redes sociais. Essas plataformas ajudam a conectar nômades digitais a trabalhos remotos. É importante investir tempo e esforço em um site ou blog pessoal, mostrando sua marca e seus serviços.
  3. Faça planos financeiros: Tornar-se um nômade digital pode ser caro. Comece a economizar dinheiro e considere trabalhar para poupar dinheiro antes de sair do seu emprego atual. Tenha em mente que seus rendimentos podem ser irregulares, por isso, é importante ter um orçamento financeiro bem estruturado e sempre reservar uma quantia para emergências.
  4. Escolha seus destinos: Uma das maiores vantagens de ser um nômade digital é a liberdade de trabalhar de qualquer lugar do mundo. Faça planos de viagem e escolha destinos de acordo com seu orçamento e necessidades profissionais.
  5. Mantenha a conexão: Embora você possa estar trabalhando sozinho na estrada, é importante manter conexões sociais. Junte-se a grupos de nômades digitais, participe de eventos de networking ou construa relacionamentos com clientes em potencial.

Lembre-se, ser um nômade digital é uma jornada única e desafiadora, mas também pode ser uma oportunidade para descobrir novas experiências e viver de forma mais flexível e independente.

Quais países aceitam Nômades Digitais?

Nos últimos anos, o número de países que aceitam nômades digitais tem crescido bastante. Esses países tem criado políticas para receber nômades digitais permitindo trabalhar e viver legalmente em seu território por um determinado período de tempo. No entanto, as políticas e requisitos específicos podem variar de país para país. Aqui estão alguns exemplos de países que têm políticas para nômades digitais:

  1. Portugal: O programa “Residência Fiscal para Residentes Não Regulares” permite que estrangeiros trabalhem em Portugal como nômades digitais e paguem uma taxa de imposto fixa de 20%.
  2. Estônia: O programa “e-Residency” permite que os nômades digitais estabeleçam uma empresa online e tenham acesso a serviços bancários e fiscais.
  3. México: O programa “Residência Temporária para Atividades Remuneradas” permite que os nômades digitais trabalhem no México por até um ano.
  4. Barbados: O programa “Barbados Welcome Stamp” permite que os nômades digitais trabalhem na ilha por até um ano.
  5. Alemanha: O visto “Freelancer” permite que os nômades digitais trabalhem como autônomos no país.
  6. Grécia: O programa “Digital Nomad Visa” permite que os nômades digitais trabalhem no país por até um ano.
  7. Tailândia: O programa “Smart Visa” permite que os nômades digitais trabalhem na Tailândia por até quatro anos.

Esses são apenas alguns exemplos de países que estão abertos a receber nômades digitais. É importante lembrar que as políticas e os requisitos podem mudar com o tempo, por isso é essencial verificar as informações mais recentes antes de fazer planos de viagem.

Como trabalhamos e até mesmo onde trabalhamos, está em constante mudança e evolução.

Quais profissões tem um Nômade Digital?

Nômades digitais são profissionais que trabalham remotamente e possuem a flexibilidade de trabalhar de qualquer lugar do mundo, desde que haja uma conexão com a internet. Essa liberdade permite que eles realizem uma ampla gama de trabalhos, incluindo:

  1. Desenvolvedor de software e programador
  2. Designer gráfico e web designer
  3. Escritor e jornalista freelance
  4. Consultor e especialista em marketing digital
  5. Profissional de mídias sociais
  6. Gerente de projetos e consultor de negócios
  7. Profissional de SEO e SEM
  8. Tradutor e intérprete
  9. Coach e treinador profissional
  10. Fotógrafo e videógrafo

Essas são apenas algumas das muitas profissões que podem ser realizadas por um nômade digital. Na verdade, a maioria das profissões pode ser adaptada para o trabalho remoto, desde que o profissional tenha as habilidades técnicas necessárias e a disciplina para gerenciar seu tempo e sua produtividade. É importante lembrar que, embora trabalhar como nômade digital ofereça liberdade e flexibilidade, também exige muita disciplina e auto-motivação para manter um nível consistente de trabalho e renda.

Vantagens de Ser um Nômade Digital

Ser um nômade digital oferece uma série de vantagens, incluindo:

  1. Liberdade geográfica: como um nômade digital, você pode trabalhar de qualquer lugar do mundo, desde que tenha uma conexão com a internet. Isso permite que você viaje e experimente novas culturas enquanto mantém uma fonte de renda.
  2. Flexibilidade de horários: trabalhar remotamente oferece a liberdade de criar um cronograma personalizado e trabalhar em seus próprios termos. Você pode organizar seu dia para que possa aproveitar seu tempo livre, viajar ou trabalhar em horários que são mais produtivos para você.
  3. Redução de custos: como um nômade digital, você pode economizar em custos de escritório, viagens diárias e até mesmo em alimentação. Isso pode permitir que você economize mais dinheiro ou invista em experiências pessoais que lhe interessem.
  4. Maior qualidade de vida: trabalhar de forma remota pode permitir que você tenha mais tempo para hobbies, atividades físicas e tempo com a família e amigos. Além disso, você pode evitar o estresse diário associado a comutar e trabalhar em um escritório tradicional.
  5. Acesso a oportunidades globais: como um nômade digital, você pode trabalhar com pessoas e clientes em todo o mundo. Isso permite que você obtenha uma perspectiva global e acesse uma ampla gama de oportunidades de negócios e carreira.

Essas são apenas algumas das muitas vantagens de ser um nômade digital. Claro, ser um nômade digital também apresenta desafios únicos, como a necessidade de disciplina e gerenciamento do tempo e a falta de interação social face a face. No entanto, para aqueles que estão dispostos a lidar com esses desafios, as vantagens do estilo de vida nômade digital podem ser muito gratificantes.

Dia a dia de um Nômade Digital

O dia a dia de um nômade digital que vive em um motorhome pode variar bastante, dependendo das necessidades e preferências individuais. No entanto, aqui estão alguns aspectos que podem ser comuns para um nômade digital vivendo em um motorhome:

  1. Escolhendo o local: o nômade digital terá que escolher o local para estacionar o motorhome. Isso pode variar de acampamentos e parques de trailers, a estacionamentos de RV e áreas de descanso nas estradas. Eles também precisam garantir que o local tenha uma conexão confiável de internet e energia elétrica.
  2. Trabalhando no motorhome: o nômade digital pode trabalhar no motorhome em uma mesa ou área de trabalho, conectado à internet, em vez de um escritório tradicional. Eles podem ajustar seu local de trabalho de acordo com sua preferência, como trabalhar em um espaço ao ar livre ou dentro do motorhome.
  3. Cuidando do motorhome: o nômade digital terá que cuidar do motorhome, incluindo manter o veículo limpo e organizado, bem como monitorar o uso de água e eletricidade. Eles também precisarão fazer reparos menores, como trocar lâmpadas ou consertar vazamentos, dependendo das habilidades de manutenção do veículo.
  4. Exercício e atividades: é importante que o nômade digital se mantenha ativo e saudável, por isso, pode incorporar atividades físicas, como caminhadas, corridas e ciclismo, em sua rotina diária. Alguns motorhomes também têm espaço para equipamentos de ginástica e ioga.
  5. Explorando as áreas locais: um dos maiores benefícios de morar em um motorhome é a capacidade de viajar e explorar novas áreas. O nômade digital pode aproveitar para visitar atrações turísticas locais, experimentar a culinária e a cultura regionais e conhecer novas pessoas.
  6. Reuniões: Fazendo reuniões utilizando ferramentas como o Zoom para fazer chamadas em tempo real com clientes ou parceiros de trabalho. 
  7. Organização de Arquivos: Organizar diariamente arquivos de trabalhos em um servidor para atualizar o banco de dados da empresa.
  8. Vida social: como um nômade digital, pode ser desafiador manter conexões sociais significativas. No entanto, eles podem participar de grupos locais de nômades digitais, eventos e encontros, bem como interagir com outros viajantes e moradores locais. As mídias sociais também podem ser uma ferramenta útil para manter contato com amigos e familiares que estejam em outras partes do mundo.

Esses são apenas alguns aspectos do dia a dia de um nômade digital morando em um motorhome. Embora possa haver desafios únicos, como a falta de espaço e conexão social limitada, muitos nômades digitais relatam que o estilo de vida nômade oferece uma sensação de liberdade e aventura que pode ser muito gratificante.

Ser nômade digital é viver novas experiências

Assim como os nômades dos séculos passados, os nômades digitais podem se mover com as estações do ano ou sempre que desejam visitar um novo lugar. Muitas pessoas estão aderindo ao estilo de vida como uma forma de experimentar o mundo e ao mesmo tempo se manterem financeiramente sustentáveis. Os nômades digitais mais enérgicos e jovens como nós, moram em motorhomes e mudam de local a cada mês, enquanto outros podem passar longos períodos para conhecer uma cidade ou país. 

Nós por exemplo saímos de um escritório tradicional no início de 2017, e temos vivido e trabalhado como nômades digitais, conhecendo lugares no nosso país que antes não tínhamos conhecimento. No início, trabalhamos em casa para pegar uma certa experiência em trabalhar sozinhos, depois que conquistamos alguns clientes fixos, começamos a viajar e trabalhar. 

Como nômades digitais, o nosso  mundo é outro. Há uma infinidade de lugares para visitar, atividades para desfrutar e pessoas para conhecer,  por isso recomendamos que você comece a se preparar para uma vida nômade,  o mais rápido possível. E aqui está o porquê. Confira!

Com um mundo cada vez mais movido pela tecnologia e com mais empregadores oferecendo modos flexíveis de trabalho, a vida nômade digital está se tornando mais amplamente disponível.  

Bônus: Dicas de Trabalho para ser um Nômade Digital

10 ideias de trabalho para quem quer ser um nômade digital

O artigo foi útil para você? Compartilhe com seus amigos.

Escrito por
Movimento nômades digitais
Faça um comentário

2 comments

Rapha e Ray

Rapha e Ray, do projeto Movimento nômades digitais, um casal apaixonado pela praia, que juntou a enorme vontade de viajar com a necessidade de continuar administrando sua empresa em movimento. Somos uma dupla de criativos da cidade de Goiânia, e fazemos das diferentes cidades, nosso local de trabalho.

Movimento Nômades Digitais

Tudo sobre os nômades digitais.